Sabbats

Celebrar os oito sabbats que compõem a Roda do Ano na bruxaria é algo extremamente especial, que nos coloca em contato com os momentos vivenciados pela Mãe Terra e todas as energias que vibram na natureza. Samhain, Yule, Imbolc, Ostara, Beltane, Litha, Lammas e Mabon são os festivais que ilustram momentos importantíssimos entre a Grande Deusa e o Deus, bem como a entrada das estações do ano. Tais celebrações nos faz relembrar que a vida é cíclica e nos permite ficar em plena sintonia com o meio.

Vamos conhecer cada um deles e a época em que acontecem. Todos são celebrados por meio de rituais públicos no Templo de Wicca Eleusiana. No entanto, para participar é necessário que você verifique em nossa agenda a data em que acontecerá tal cerimônia no templo, o horário e em seguida, realize sua inscrição. A participação em nossos sabbats é gratuita para membros do templo. Para aqueles que não o são, a taxa de contribuição deverá ser acertada na recepção do Faces da Lua.

Imbolc

02 de Agosto no Hemisfério Sul e 02 de Fevereiro no Hemisfério Norte

Imbolco Deus que nasceu no sabbat passado já começa a se desenvolver e emitir seus raios solares mais intensos para a Terra, ou seja, começa a curar as regiões afetadas pelo inverno. Por isso, esta data pode ser considerada como um festival do fogo e uma época propícia para a cura, transmutação e inspiração, atributos deste elemento sagrado.

Entre os povos celtas celebrava-se Brigith, senhora da poesia e das artes marciais entre tantos outros atributos. Nesta época, podemos acender velas diversas para o elemento fogo e a Deusa por toda a extensão de nossa casa e celebrar com bebidas quentes.

Yule

21 de Junho no Hemisfério Sul e 22 de Dezembro no Hemisfério Norte

Após a morte do Deus em Samhain, a Deusa sentindo-se entristecida e completamente sozinha decide adentrar ao mundo dos mortos para encontrar-se com seu consorte. Barrada pela morte que só permitia a entrada daqueles que estivessem realmente mortos, a Deusa compartilha que nada mais temia, uma vez que morrera junto ao seu consorte, quando perdera aquilo que mais amava. A morte, vislumbrada com tanta beleza e a vida pulsante, permite que a Grande Deusa se encontre com seu amado que tornara-se o Deus do Mundo dos Mortos. O Deus e a Deusa comungam o amor que nutrem um pelo outro, mas nada mais podem fazer. Ela precisa voltar para sua verdadeira realidade e ele necessita continuar sua nova jornada.

A Deusa, então, traz à Terra o fruto de seu amor. Fecundada pelo Deus dos Mortos, ela se prepara para se tornar neste dia, a Grande Mãe. Yule é o momento que ela dá a luz à criança prometida. Tal criança é o Deus Sol que renasce e embora, não tenha ainda poder suficiente para aquecer a todos nós, sabe-se que no futuro, ele terá. Este sabbat não só marca o momento do renascimento do filho e consorte dela, mas anuncia a chegada do inverno. É uma época de renovar nossas expectativas e também, a alegria, um momento ideal para cultivarmos nossa criança interior.

Ostara

22 de Setembro no Hemisfério Sul e 21 de Março no Hemisfério Norte

Ostara surge trazendo a entrada da primavera. O Deus, que era um menino, agora esbanja virilidade e a Deusa renova suas energias, potencializando sua beleza e juventude para unir-se a ele no próximo sabbat. Tudo o que se tem na natureza responde a este período com beleza, amorosidade e paixão. Podemos sentir esta atmosfera nas flores que desabrocham e nos animais que começam a sair de suas tocas.

Este é um festival sagrado bastante indicado para trabalharmos o fortalecimento de nossa sensualidade e do poder de sedução. É na primavera que os povos antigos costumavam semear a terra, porque este é o período mais indicado para o plantio. Aproveite para decorar a área ritualística, sua casa e o círculo com muitas flores ou pétalas delas para se sintonizar com a energia do momento.

Litha

22 de Dezembro no Hemisfério Sul e 21 de Junho no Hemisfério Norte

Chegamos no momento de dar as boas vindas ao verão! A estação que nos traz o ápice dos poderes do Deus Sol surge, aquecendo-nos e inspirando brilho, energia, sucesso, reconhecimento e também, maturidade. Afinal, o Deus já não é mais aquela criança inocente de outrora, como na época de Yule, mas sim uma força masculina que impera em todo seu esplendor e no auge da realização.

Litha surge para nos colocar nesta mesma posição que encontra-se o Deus, para fortalecermos as energias do nosso chakra “plexo solar” e assim, ativarmos ao nosso Sol Interno, obtendo prestígio e tornando-nos ímãs atrativos de sucesso.

Neste sabbat decore seu altar com representações solares, girassóis e folhas de louro. Acenda incensos associados ao Sol, como camomila, canela e laranja ou flor de laranjeira. Nutra-se de energia solar e visualize o sucesso, estendendo-se a todos os seus projetos pessoais. Peça as bênçãos do Deus e certamente, as perceberá atuando em seu dia a dia.

Lammas

02 de Fevereiro no Hemisfério Sul e 02 de Agosto no Hemisfério Norte

Agora estamos no festival da colheita! Lammas celebra os grãos e a produção do alimento. É o sabbat em que agradecemos pela fartura e para isso, tem-se o costume de confraternizar em meio a pães e bolos que são produzidos especialmente para esta data. O principal objetivo deste rito é demonstrar toda nossa gratidão e devoção pela Mãe Terra. Afinal é nesta época em que tudo aquilo, que foi fertilizado nos ritos de beltane, é realmente concebido. Assim, os frutos da união da Deusa e do Deus alimentam e fortalecem a todos!

Dentre os rituais que fazemos em Lammas, um dos mais conhecidos e tradicionais é a confecção da boneca da colheita, preparada a partir de ramos de trigo ou milho da época. Tal representação é consagrada e nos acompanhará até o próximo Lammas, data em que será queimada no caldeirão em agradecimento. Tal rito devolve a boneca à Deusa, acompanhada de nossa gratidão e assim, uma nova boneca é preparada a cada chegada deste sabbat.

Beltane

31 de Outubro no Hemisfério Sul e 30 de Abril no Hemisfério Norte

Conhecido como o “Grande Casamento”, esta celebração marca a união da Deusa e do Deus, os sagrados feminino e masculino que, juntos, formam o Uno, a grande força criadora, plena e totalizada, que dá origem a todas as coisas. Beltane é o rito do fogo da paixão, que honra ao sexo, o amor e a fertilidade. O nome deste sabbat significa “Fogo de Bel”, um antigo Deus Celta associado ao Sol. Celebra-se com uma linda fogueira, rituais em prol da fertilidade e união. É um momento indicado para meditar sobre a força do amor, para quem tem dificuldade de engravidar, pode-se também pedir por auxílio espiritual. Esta é a celebração da paixão da Deusa e do Deus que aquece ao nosso coração e renova nossas expectativas com relação a vida afetiva.

Samhain

30 de Abril no Hemisfério Sul e 31 de Outubro no Hemisfério Norte

Este sabbat marca a finalização de um ano e o começo de outro ciclo para aqueles que seguem a bruxaria. A palavra “samhain” significa “sem sol” e marca o período em que o Grande Deus morre, partindo rumo ao País do Verão, local que também chamamos de Hades, onde se encontram muitos pagãos após esta vida. Apesar de se referir a morte do Deus, ninguém celebra este sabbat com tristeza. Muito pelo contrário, o fazemos com bastante alegria por saber que após a morte, sempre existe um renascimento. Assim, o Deus voltará muito em breve. É costume nesta noite olharmos em nossos oráculos para saber o que esperarmos do novo ano que começa. Esta é uma época em que o véu que separa nosso mundo do dos mortos está mais tênue, por isso homenageamos aqueles que nos foram importantes, mas já não estão entre nós. Aproveitamos a data para a realização de rituais atrelados aos atributos que desejamos para o novo ciclo.

Mabon

21 de Março no Hemisfério Sul e 22 de Setembro no Hemisfério Norte

Enquanto em Litha o Deus estava no ápice de seu poder, neste sabbat ele começa a definhar e mergulha na sabedoria da velhice, nos conhecimentos que são adquiridos apenas com o tempo. É a época da segunda colheita e do equinócio de outono, marcando a entrada da estação das frutas. Nesta ocasião, podemos honrar a todos os idosos de nossa família, coven ou grove propriamente ditos.

O Deus se prepara para partir rumo ao outro mundo. Isso acontecerá no próximo sabbat, Samhain, que não só trará a morte do Senhor, como um novo ano, a partir da Roda que continua a girar. esta também é uma ótima época para reflexão de nossos objetivos e daquilo que não mais queremos, ou seja, tempo de fazer um balanço sobre avanços e quedas que tivemos, bem como padrões de comportamento que não mais devem ser repetidos. É costume decorar o círculo com folhas secas, ilustrando a chegada do outono, colocar frutas no altar e compartilhar delas, juntamente com a irmandade.


Canções Eleusianas

Ver todas

Newsletter

Quer saber mais sobre o Templo Wicca? Preencha os campos abaixo e receba nossa newsletter com informações, novidades e eventos do nosso espaço.